Bastidores da construção | Construção Mercado

Em off

Bastidores da construção

Edição 191 - Junho/2017
REPRODUÇÃO
Ciclovia Tim Maia, na capital fluminense, continua interditada

Erro estrutural fatal

Um ano após desabar, provocando a morte de duas pessoas, a ciclovia Tim Maia, no Rio de Janeiro, continua interditada - e assim ficará até a conclusão do estudo que está sendo feito para apontar a melhor maneira de corrigir os erros considerados estruturais da obra. Segundo anúncio do prefeito Marcelo Crivella, em início de abril, o município começaria a exigir, já a partir de maio, laudos com revisões de cálculos estruturais (preparadas por consultorias renomadas) de todas as obras feitas na cidade. 'É triste constatar que nada mudou até agora e todos os responsáveis continuam com sua vida normal', afirma um ano depois da tragédia Eliane Tinoco, viúva de Eduardo Marinho, uma das vítimas.

A todo vapor nos países vizinhos

Responsável pela supervisão de obras no Paraguai, Peru, Bolívia e República Dominicana, a Concremat Engenharia quer aumentar a sua carteira para R$ 50 milhões em contratos até o fim deste ano. Em meados de maio, a empresa previa o fechamento de mais um novo negócio para supervisionar a construção de uma segunda rodovia na Bolívia.

Conteúdo exclusivo para assinantes da revista Construção Mercado

Outras opções