Confira os vencedores do 4º Prêmio Seconci-SP de Saúde e Segurança no Trabalho | Construção Mercado

Gestão

Notícias

Confira os vencedores do 4º Prêmio Seconci-SP de Saúde e Segurança no Trabalho

Premiação tem três categorias: Controle de Perigos e Riscos no Canteiro, Controle da Saúde no Canteiro e Gerenciamento Ambiental do Entorno da Obra

Luísa Cortés, do Portal PINIweb
25/Novembro/2016

O Serviço Social da Construção Civil do Estado de São Paulo (Seconci-SP) premiou na última quinta-feira (24) os vencedores do 4º Prêmio Seconci-SP de Saúde e Segurança no Trabalho, nas suas três categorias: Controle de Perigos e Riscos no Canteiro (trabalhos em prol da segurança dos trabalhadores); Controle da Saúde no Canteiro (práticas exemplares de manutenção da saúde coletiva dos trabalhadores); e Gerenciamento Ambiental do Entorno da Obra (ações para minimizar os transtornos causados na vizinhança e que tem como objetivo diminuir o impacto no meio ambiente).

As empresas do estado de São Paulo foram divididas em sete regiões: São Paulo e Região Metropolitana; Barretos, Franca e Ribeirão Preto; Araçatuba, Bauru, Marília, Presidente Prudente e São José do Rio Preto; Campinas; Itapeva e Sorocaba; Registro e Santos; e São José dos Campos, Vale do Paraíba e Litoral Norte.

Ainda foram concedidos dois prêmios especiais: Trabalhador ou Trabalhadora Modelo, cujo vencedor foi Demerval Rodrigues de Oliveira, Mestre de Obras da Even Construtora, e Personalidade do Ano, para a pessoa com grande representatividade, cujo vencedor foi Walter Vicioni Gonçalves, diretor regional do Senai-SP e superintendente do Sesi-SP.

A comissão julgadora foi formada por especialistas de diversas faculdades paulistas, além de sindicatos, e institutos da área.

Confira os projetos vencedores:

- Categoria: Gerenciamento Ambiental do Entorno da Obra

São Paulo e Região Metropolitana

Even Construtora – Obra Clube Jaçanã

A obra conta com iniciativas como a Ação Vizinhos e pontos de coleta seletiva. Também há medidas para a redução do consumo de água e energia, programas de gestão de resíduos e de controle de pragas e uma galeria de pedestres. Uma frente de Responsabilidade Social realiza projetos sociais com a comunidade vizinha ao canteiro.

Barretos, Franca e Ribeirão Preto

Grupo TAP – Obra Pagano Mirante do Bonfim Residencial

Na obra, é promovido o entulho classe A, ou seja, de resíduos que podem ser reutilizados ou reciclados na própria obra. Eles são segregados, triturados e reutilizados para a melhoria do canteiro. O espaço também conta com iluminação natural, um lava-rodas que reduz a sujeira de vias públicas, e um sistema de captação da água da chuva para a limpeza do canteiro.

Araçatuba, Bauru, Marília, Presidente Prudente e São José do Rio Preto

MRV Engenharia – Obra Parque Rio das Hortênsias – Ribeirão Preto

Para evitar poluição, há gestão de resíduos visando diminuir a sua geração e promovendo o uso racional de recursos naturais. Os resíduos gerados são segregados e corretamente destinados. Mais de 1.500 mudas de espécies nativas foram plantadas. Ruas e avenidas no entorno do empreendimento também foram urbanizadas, com soluções de paisagismo. Foram implementadas ainda ações como redução no consumo de madeira, e de racionalização do consumo de energia e água.

Itapeva e Sorocaba

CEAS Construtora – Obra Condomínio Ouro Verde

A obra contou com a plantação de 720 mudas de árvores, como compensação pelas 26 árvores antes existentes no terreno. Também houve locais para a separação de materiais recicláveis, e a utilização de canecas plásticas, que evitou o consumo de 132 mil copos plásticos. O Programa de Reciclagem de Entulho teve, em canteiro de obra, um triturador capaz de triturar 34 toneladas por hora.

Campinas

MRV Engenharia – Parque Capricórnio

A obra contou com o controle e registrou requeridos pela NBR ISSO 14001, além do plantio de 1.763 mudas com área de 10 mil m² e a plantação de espécies nativas. Foi construída uma unidade de educação infantil e uma estação de tratamento de esgoto, assim como foi a infraestrutura viária foi feita com asfalto e passeio público, inclusive o acesso sob ferrovia, rotatória, redes de energia e ponto de ônibus.

Registro e Santos

Construtora Crego Painceira – Obra Residencial Barceló

A correta segregação de seus materiais em uso, coleta seletiva dos resíduos e reaproveitamento da água de chuva destacam a obra, onde também foram instituídos concertos gratuitos abertos ao público e foram distribuídos à população plantas e temperos. A obra possui um tapume de interações, com coletor de pilhas, saquinhos para dejetos de cães, e obras de artes para serem levadas. São José dos Campos, Vale do Paraíba e Litoral Norte.

MPD Engenharia – Obra Prédio de Ciências Fundamentais ITA

Destacam-se a execução e a divulgação de portaria exclusiva independente para não interferir nas atividades da Força Aérea, bem como a sinalização viária até obra. Houve

integração entre colaboradores, empreiteiros e Força Aérea sobre segurança do trabalho. Treinamentos, palestras e auditorias foram realizados pelo Senai. Cuidados com trabalhos em altura foram tomados. Cada empreiteiro recebeu treinamento específico em relação a seus riscos na prestação do serviço. A obra foi totalmente isolada com alambrados e duas portarias 24 horas. Mais de 700 mudas de espécie nativas e frutíferas foram plantadas em área de preservação ambiental.

- Categoria: Controle de Perigos e Riscos no Canteiro

São Paulo e Região Metropolitana

Construtora Tecnisa – Obra Jardim das Perdizes

O mapeamento aéreo com drones permite estudar a evolução do canteiro, layout, máquinas, proteções e comportamento de risco com dinâmica e rapidez. Com isso, amplia-se o campo de visão das frentes de trabalho em relação aos riscos associados. As informações chegam para a engenharia em tempo real, facilitando e agilizando a tomada de decisões para eliminação ou neutralização dos principais riscos. A tecnologia é bem versátil, traz produtividade, detalhamento e dinamismo, podendo abrir várias frentes e diversificar a atuação. E ainda ajuda a garantir excelente nível de segurança e saúde, reduzindo acidentes do trabalho.

Barretos, Franca e Ribeirão Preto

Construtora R. Pagano – Obra Grand Palladium

Procedimentos de segurança são adotados de acordo com os riscos e as necessidades da obra, com programas de treinamento e capacitação para situações adversas. O controle do risco de queda em diferença de nível e de materiais na sacada dispõe de rede SQLA, linha de vida, guarda-corpo metálico em periferia e escadas, bandeja primária e secundária, tela de fachada, proteção no poço do elevador cremalheira e cancelas, dispositivo retrátil para evitar a queda do martelo do carpinteiro, proteção na ponta de vergalhões, shaft para passagem de materiais, além de pontos de ancoragem deixados em locais estratégicos para o uso de cinto de segurança.

Araçatuba, Bauru, Marília, Presidente Prudente e São José do Rio Preto

Grupo Pacaembu – Obra Vida Nova Catanduva II

Em parceria com a engenharia, novas tecnologias foram desenvolvidas para controle dos riscos. Banheiros com conforto térmico foram disponibilizados para todos os colaboradores, assim como pontos de hidratação com isotônico e água, com bancos para

descanso. A segurança inclui quadros elétricos dispostos com DR, aterramento de carcaça, bloqueio, tomada Steck identificando a voltagem por cores, diagrama unifilar e projeto da rede registrado. As áreas de vivência contam com jogos para entretenimento, área de vídeo, bancos para descanso e praças para recreação. O Programa IFS reconhece e premia os colaboradores de destaque em segurança do trabalho.

Itapeva e Sorocaba

Construtora Adolpho Lindenberg – Obra Trio By Lindenberg

Destacam-se as proteções coletivas, principalmente pela instalação de redes do sistema limitador de queda em altura, em conjunto com as redes sobre vizinhos, proteções metálicas nas sacadas, shafts e poços de elevador, além de telas de fachada, prevenindo acidentes. Há um investimento permanente na promoção de um ambiente de trabalho seguro e saudável, com planejamento, monitoramento constante e principalmente orientação diária dos colaboradores, buscando a conscientização e o comprometimento com a segurança e saúde de todos.

Campinas

Construtora Ferreira Guedes – Obra: DER Apiaí / Rodovia – Pavimentação

Destacam-se a sinalização viária de segurança e os controles operacionais em terraplenagem, pavimentação, concretagem, movimentação de cargas, entre outros. O canteiro dispõe de tanque aéreo de combustível e áreas de vivência. Para o controle de perigos e riscos há uma sistemática da Patrulha de Segurança do Trabalho, check list de máquinas, equipamentos e instalações, e inspeções de segurança e saúde no trabalho. Há ainda uma contínua necessidade de intervenção e controle do fluxo viário existente da rodovia, pela instalação de placas de sinalização, limitadores de velocidade, cones de sinalização, demarcadores e balizadores no leito trafegável. Há equipes preparadas para agir em emergências e diálogos de Segurança, Meio Ambiente e Saúde.

Registro e Santos

Construtora Ferreira Guedes – Obra: DER São Vicente / Rodovia – Viaduto

Destacam-se os controles operacionais de segurança do trabalho em pavimentação, concretagem, movimentação e içamento de cargas, e trabalho em altura, entre outros. O canteiro dispõe de armazenamento adequado de produtos inflamáveis, áreas de vivência e central de carpintaria e armações de aço. Para o controle de perigos e riscos, há uma sistemática de permissão de trabalho, liberação de segurança dos andaimes e cimbramentos, Patrulha de Segurança do Trabalho, check list de máquinas, equipamentos e instalações, inspeções de Segurança e Saúde no Trabalho. Há também equipes

preparadas para agir com procedimentos de emergência e realização do Diálogo de Segurança, Meio Ambiente e Saúde.

- Categoria: Controle de Saúde no Canteiro

São Paulo e Região Metropolitana

Even Construtora – Obra Quintas da Lapa / SESMT Vila Leopoldina

Destaca-se o Programa Viva Bem, voltado a todos os colaboradores. No canteiro, ele se traduz em uma área de vivência diferenciada e bem sinalizada, garantindo organização, limpeza, conforto e um ambiente saudável. Salientam-se algumas ações como: realização do perfil de saúde dos trabalhadores, gestão de doenças crônicas, controles e campanhas de conscientização para combate ao mosquito da dengue e Projeto Toalha. O Programa “Viva Bem 24 horas” é um canal de comunicação, por meio do qual o colaborador recebe atendimentos de psicólogos, assistentes sociais, advogados e especialistas em finanças para assuntos diversos.

Construtora Racional Engenharia – Obra Expansão Metrô Shopping Itaquera

A equipe de Saúde participa desde os treinamentos admissionais, integração e periódicos, das palestras mensais e promove o Diálogo Semanal de Saúde. Uma unidade móvel odontológica visita periodicamente o canteiro. Campanhas de vacinação, controles de pressão alta e glicemia são realizados. Destaque para a “Semana de Saúde” e a “Campanha de Saúde do Homem”. Também são realizados “Programas de Saúde” como o de “1ª e 2ª Opinião Médica”, “Assistência às Internações”, “Concierge Médico” e a “Avaliação Nutricional”. Auditorias externas são realizadas por equipe multidisciplinar, avaliando fornecedor de alimentação, documentações de Medicina do Trabalho, o ambulatório e seus procedimentos.

Barretos, Franca e Ribeirão Preto

MRV Engenharia – Obra Parque das Roseiras

O controle da saúde de todos os colaboradores é feito mediante acompanhamento dos exames médicos ocupacionais, desde a admissão. Também são realizadas campanhas de vacinação. A construtora disponibiliza áreas de vivência e fornece alimentação adequada. Periodicamente, promove palestras sobre prevenção de doenças e drogas. Realiza ainda o controle da saúde bucal em parceria com o Seconci-SP. E vai além, oferendo uma escola de alfabetização.

Araçatuba, Bauru, Marília, Presidente Prudente e São José do Rio Preto

Grupo Pacaembu – Obra Vida Nova Fraternidade

São realizadas campanhas de vacinação periódica, palestras sobre doenças sexualmente transmissíveis, dengue e outras. Há treinamentos de combate a incêndio e atendimento de primeiros socorros, com campanhas que se estendem aos colaboradores da administração. Pontos de hidratação com água e isotônico são disponibilizados, com bancos para descanso. Há um programa de dedetização no canteiro, contra vários tipos de pragas, bem como análises da potabilidade da água. O refeitório é higienizado periodicamente, com combate a insetos. A empresa fornecedora dos alimentos é fiscalizada por nutricionista, com a verificação das instalações e da documentação. As áreas de vivência contam com jogos, área de vídeo e praças para recreação.

Campinas

Construtora Odebrecht – Obra Royal Campinas

O “Programa Saúde Viver” conjuga ações preventivas, exames clínicos e um completo plano de comunicação. Monitora a hipertensão arterial e o diabetes dos profissionais e realiza treinamentos e campanhas de conscientização sobre tabagismo, alcoolismo, drogas, controle de colesterol, alimentação saudável e combate à obesidade. Também são abordados temas de acordo com datas comemorativas ou época do ano, como doenças sexualmente transmissíveis, gripe, qualidade de vida, vacinação, controle de dengue, saúde auditiva e ergonomia. Para envolver os profissionais, a empresa distribui folhetos informativos, fixa cartazes nos murais e realiza palestras educativas.